Uma das dúvidas mais recorrentes dos corretores é como vender seguros de vida. Afinal, esse é um produto que possui associações negativas e muitas pessoas não adquirem o produto acreditando que ele “dará azar”.

Além disso, temos um costume muito forte de associar o seguro apenas para resguardar nossos bens materiais e patrimoniais.

A maioria das pessoas está disposta a pagar um seguro para prevenir eventuais problemas ou danos em um notebook, veículo, smartphone e imóvel.

Mas não estão dispostas a arcar com a segurança e tranquilidade financeira da família em caso de uma fatalidade? Será mesmo?

Não existe uma cultura consolidada aqui no Brasil a respeito da aquisição dos seguros de vida. Mas, com algumas dicas e fazendo uma abordagem diferente você poderá aumentar a venda de seguros de vida junto aos seus clientes.

DEFINA PARA QUEM VOCÊ VAI VENDER E PARA QUEM VOCÊ NÃO VAI VENDER

Um grande erro cometido por muitos corretores é investir tempo e energia convencendo um cliente que não possui interesse ou não pode pagar pelo produto.

Você que trabalha no ramo de seguros sabe que existem perfis de clientes para cada tipo de produto.

Sua meta deve ser encontrar o perfil de cliente ideal para o tipo de produto que você está promovendo.

Se você percebe que o cliente foge do perfil que você traçou para um determinado produto é melhor oferecer outro tipo de seguro que seja mais adequado ao perfil dele.

Para algumas pessoas você não deve oferecer o seguro de vida. Simplesmente por que elas não estão prontas, não querem ou não vão assinar uma apólice dessa natureza.

Se você usa um CRM online, selecione todos os clientes que compraram seguro de vida com você. Identifique semelhança em relação a renda desses clientes, faixa etária, sexo, profissão e outros critérios que você julgar importantes.

E com base nesses critérios monte o “prospecto ideal” e dê um nome para ele.

Vamos imaginar que você o chamou de João.

Seu objetivo diário é abordar clientes que são parecidos com o João. Isso vai fazer você manter o foco nos potenciais clientes certos. Aumentando significativamente suas chances de vender mais seguros de vida.

COMO VENDER SEGUROS DE VIDA SE NINGUÉM CONHECE AS VANTAGENS DO PRODUTO?

Ninguém compra o que não conhece.

Então como vender seguros de vida se a maioria das pessoas não conhecem as vantagens e coberturas deste tipo de seguro?

Já tratamos aqui sobre a importância de desenvolver estratégias de marketing. Então, eduque seu potencial cliente por meio do seu site, de um e-Book gratuito, de campanhas de e-mail marketing, de vídeos no YouTube e das redes sociais sobre o seguro de vida.

Se você oferece vários tipos de seguros é natural que você tenha uma carteira de clientes maior. Por isso, quando você utilizar estratégias de marketing é natural que alguns dos seus clientes se interessem pelo que você está dizendo sobre o seguro de vida.

Pode ser que ele ligue para você, enviei um e-mail ou faça uma pergunta pelas redes sociais.

Se esse cliente tomou a iniciativa de perguntar é por que ele possui interesse. O restante do trabalho deve ficar por sua conta. Faça uma abordagem detalhada sobre todas as vantagens e benefícios do seguro de vida.

Se você quer vender mais seguros de vida, então trate de educar seu público-alvo sobre os benefícios que ele oferece.

MUDE AS ASSOCIAÇÕES QUE SEUS CLIENTES POSSUEM SOBRE O SEGURO DE VIDA

Muitas pessoas associam o seguro de vida a situações desagradáveis, como desastres, morte, invalidez permanente, etc.

O seguro de vida se propõe a resguardar os beneficiários em virtude de todos esses fatores. Mas essa não é a melhor associação para ser feita do produto.

Você deve vender tranquilidade, conforto, estabilidade e segurança.

Ninguém que deixar a família em uma situação desfavorável ou passar por dificuldades financeiras em momentos delicados.

Portanto, você que é corretor precisa fazer o seu cliente se imaginar em uma situação em que ele não pode mais fazer nada para ajudar seus entes queridos ou até mesmo se ajudar (em virtude de uma invalidez permanente).

E desenvolver nele a compreensão que o momento de tomar providências é agora, pois as obrigações financeiras vão continuar vindo mesmo após uma fatalidade ou imprevisto.

Portanto, você precisa fazer o cliente compreender que ele está pagando por uma tranquilidade. Ele está adquirindo um conforto financeiro para seus entes queridos.

Agora você já sabe como vender seguros de vida e aumentar suas vendas!